Warning: Declaration of YOOtheme\Theme\Wordpress\MenuWalker::walk($elements, $max_depth) should be compatible with Walker::walk($elements, $max_depth, ...$args) in /home/rafazimbaldi/www/novo/wp-content/themes/yootheme/vendor/yootheme/theme/platforms/wordpress/src/Wordpress/MenuWalker.php on line 8

Sob o comando de Rafa, Câmara dá espetáculo de democracia nas discussões do Plano Diretor, aprovado com dezenas de emendas sugeridas pela população

Seis audiências públicas, mais de 1,1 mil pessoas participando das discussões do plenário e mais de 500 sugestões enviadas pela Internet. Nunca antes na história da Câmara de Campinas houve uma discussão tão democrática quanto a do Plano Diretor, estratégico projeto que determina as prioridades e metas de crescimento para a cidade na próxima década, como a realizada em 2017 sob comando de Rafa Zimbaldi.

“Regimentalmente a Câmara era obrigada a fazer uma audiência, mas o assunto é tão importante que achamos que merecia ser mais amplamente discutido, por isso determinamos seis. Também criamos uma página na Internet exclusiva do plano, onde a pessoa podia acompanhar as notícias, baixar todos os arquivos do PDE, encaminhar sugestões. A ideia foi tornar a participação a maior possível e conseguimos isso”, diz Rafa.

Apenas para se ter uma ideia da diferença em relação ao último PDE, aprovado em 2006, Rafa dá um exemplo. “naquela época quem quisesse ler o projeto, por exemplo, tinha que vir até a Câmara pessoalmente e pedir uma cópia e, se quisesse dar uma sugestão, tinha de estar aqui presente no único dia de audiência. Já este plano podia ser baixado via Internet pela pessoa diretamente na casa dela e, caso não pudesse vir pessoalmente em uma das seis audiências, realizadas em novembro e dezembro, o cidadão podia assistir pela TV ou pelo computador e mandar perguntas e sugestões pela Internet”, pontua Rafa.

O resultado disso tudo foi muito efetivo e positivo. “O Plano Diretor foi aprovado com mais de 50 emendas, sendo que a maioria delas foi sugeridas pelo Conselho Municipal de Urbanismo (CMDU) e por cidadãos que participaram das audiências no Plenário ou mandaram sugestões pela Internet. Isso nos deixa muito felizes porque mostra que, efetivamente, quando a população é convidada a discutir temas importantes da cidade ela comparece ao debate e essa participação traz resultados efetivos”, conclui Rafa.

Câmara de Campinas, debate democrático, democracia, discussão, PDE, Plano Diretor, Rafa, Rafa Zimbaldi