HISTÓRIA

Nascido em julho de 1981, em Campinas, o vereador Rafa Zimbaldi foi o mais votado da cidade nas eleições de 2016, com 11.640 votos. Rafa é o atual presidente da Câmara Municipal de Campinas, cargo que ocupa pela segunda vez e no qual se destaca pela competência e austeridade: renegociando contratos e com uma gestão eficiente, Rafa conseguiu fazer com que o Legislativo economizasse mais de R$ 35 milhões.
Já em sua primeira gestão como presidente (biênio 2015-2016), Rafa também propôs mudança no regimento interno que foi aprovada pelos vereadores e reduziu já no ano de 2015 em 1181 o número de cargos comissionados do Legislativo previstos por lei de 2004 (de 1749 para 568). A partir de 2017, uma nova redução: cada gabinete, que tinha até 15 assessores, passou a ter no máximo dez e, hoje, são no máximo sete por gabinete.
Outra marca do vereador como presidente é a transparência. Sob o comando de Rafa, a Casa implementou o Portal da Transparência, onde são disponibilizados todos os dados do Legislativo sobre gastos, contratos,salários, planejamento, licitações e muito mais. Rafa também revolucionou a TV Câmara Campinas, que agora transmite em sinal digital 39.3, além do canal 4 da NET e transmissões simultâneas na Internet. O canal, além de transmitir as atividades legislativas, dando mais transparência, abriu espaço para notícias, serviços, cultura, educação e entretenimento com foco na cidade, mostrando mais de Campinas e região para quem mora aqui.
Rafa também trabalhou na modernização da Câmara, instalando Internet mais rápida e barata (e aberta gratuitamente à população), sistema de telefonia Voip e o processo de digitalização de documentos – o que substituirá o papel, gerando economia e auxiliando o meio-ambiente. Também será instalado no ano de 2018 um sistema integrado de votação no Plenário, com videowalls que registrarão a votação publicamente para o público conferir em tempo real. Tudo isso traz mais eficiência, rapidez e economia para o Legislativo.
Com quatro mandatos consecutivos como vereador, Rafa Zimbaldi também é autor de vários projetos de lei relevantes. São de autoria dele, por exemplo, os que transformaram as regiões do Ouro Verde e do Campo Grande em Distritos de Campinas, possibilitando que as duas áreas - que juntas têm praticamente 500 mil habitantes - sejam beneficiadas com estruturas e serviços que não tinham, como subprefeituras, cartórios, distritos policiais e corpo de bombeiros.
Vale lembrar ainda que no mandato 2009-2012 o parlamentar foi presidente das duas Comissões Processantes instaladas na Câmara em 2011 e que resultaram na cassação de dois prefeitos da cidade. E Rafa também entrou com ação para bloquear os bens dos envolvidos para que, findo os julgamentos em última instância (que ainda não ocorreu), os valores desviados sejam devolvidos aos cofres públicos.
Também naquele segundo mandato, foi titular de três comissões permanentes: de Economia e Defesa dos Direitos do Consumidor, Assuntos de Segurança Pública e a de Legislação Participativa.
Rafa Zimbaldi também é o idealizador do Projeto Jovens do Futuro na região do Ouro Verde, criado com o objetivo de levar atividades esportivas e culturais gratuitas para crianças e jovens de bairros da periferia, além de proporcionar cursos de capacitação para a população de baixa renda. O projeto conta com aproximadamente 100 voluntários e já formou mais de 20 mil pessoas nas áreas de pintura, secretariado, cabeleireiro, manicure, informática, tratamento facial, língua espanhola, inglês , entre outros.

Os quatro mandatos de Rafa Zimbaldi

Quando foi eleito pela primeira vez, para o mandato 2005-2008, Rafa Zimbaldi era um dos mais novos vereadores eleitos na história de Campinas, com apenas 23 anos. À época, ele obteve 11.209 votos e foi o segundo mais votado da cidade.

Para o mandato seguinte (2009-2012), Rafa foi reeleito com 4.062 votos. Nas eleições sequentes, Rafa foi mais uma vez o segundo mais votado da cidade, com 9.374 votos para a legislatura 2013-2016.

Já nas eleições de 2016, Rafa foi o mais bem votado de Campinas e o único vereador com mais de dez mil votos. Ele obteve 11.640 votos para cumprir o quarto mandato (2017-2020).